metal keeper2
Tank – UK
Os TANK têm sido uma força importante na cena mundial de rock e metal desde a sua formação em 1980 pelo ex-baixista dos ‘The Damned’ Algy Ward. Começando com o álbum de estreia influenciado pelo lado punk da banda, ‘The Filth Hounds of Hades’ em 1982, até ao mais recente ‘Valley of Tears’ de 2015, a banda entregou algumas das melhores músicas de rock e metal que saíra do Reino Unido nas últimas 3 décadas.
Déz álbuns de estúdio, dois álbuns ao vivo, um DVD ao vivo, uma caixa de edição limitada CD / vinil, a banda tem um pouco de tudo. Viajaram ao lado de gigantes como Motörhead ou Saxon e teveram a sorte de ser a banda de abertura na agora lendária tour dos Metallica de “Ride the Lightning” na Europa no inverno de 1984. Os espetáculos mais recentes incluem a abertura para Judas Priest na turnê “Epitaph'” que foi filmado e posteriormente usado no primeiro DVD da banda – TANK, War Machine Live! Após o lançamento em 2012, foi direto no Número 1 no Metal Hammer Eastern European Chart e ganhou críticas positivas em toda a imprensa de metal um pouco por todo o mundo. Várias mudanças de formação ocorreram ao longo dos anos. Um dos mais significativas foi a entrada do ex-vocalista dos do Rainbow / Malmsteen, ‘Doogie White’, que uniu forças com os veteranos guitarristas ‘Mick Tucker’ e ‘Cliff Evans’ em 2009, após a disputa e saída de Algy em 2006. Em 2013, um novo vocalista foi recrutado para substituir ‘Doogie White’, o frontman original dos Dragonforce ‘ZP Theart’, foi convidado a se juntar às fileiras após ter cantado com a banda durante uma tourné de verão pela Europa, tornado-se membro permanente da banda.
Em 2017, outra mudança de vocalista, com ‘David Readman’,  dos Pink Cream 69 juntanda-se à banda sucedendo ‘ZP Theart’. Actualmente a formação é composta por ‘Mick Tucker’ e ‘Cliff Evans’ nas guitarras, ‘David Readman’ na voz; o ex-baterista de Sodom ‘Bobby Schottkowski’ e o novo baixista Randy van der Elsen. Em 2018 farão a estreia em Portugal no Metal Keeper Fest.

Killer – BE
Power trio, proveniente da Bélgica e com 37 anos de carreira e sete full-length editados, são razões mais do que suficientes para no mínimo despertar alguma curiosidade. São considerados a banda pioneira do Heavy Metal belga e conhecidos pelas suas actuações ao vivo sempre bem animadas e energéticas, com um som por vezes a fazer lembrar Motörhead.

Tudo começou em 1980 com Paul “Shorty” Van Camp; “Fat Leo” e “Spooky” e tiveram um sucesso muito rapidamente, assinando contrato com uma major label logo no primeiro álbum, “Ready for Hell”. O 2º e 3º álbums, “Wall of Sound” de 1982 e “Shock Waves” de 1984, elevaram o patamar e colocaram a banda a tocar por toda a Europa nos principais festivais do género e continuaram o seu sucesso ao longo dos anos 80. Em 1990 lançam o 4º álbum, “Fatal Attraction” e pouco depois a banda para. Já no séc. XXI a banda regressa ao activo e lança 3 álbuns, o mais recente de 2015 chama-se “Monstors of Rock”.

A banda faz a sua primeira aparição em Portugal no Metal Keeper Fest com os membros originais, Paul “Shorty” Van Camp na guitarra e voz, Ivan Vandoren “Spooky” no baixo e voz e um novo baterista Ivan Opdebeeck “Vanne” e prometem uma festa bem animada.

 Witchtower – ES
Começaram 2012 e rapidamente conquistaram adeptos. O seu som completamente influenciado pelo NWOBHM simples e directo como se quer, faz lembrar os primeiros tempos dos Iron Maiden com o Paul Di’Anno na voz, mas há mais! O melhor é mesmo ouvi-los.Com um EP e dois Full-length na bagagem, demonstram que não estão aqui para brincar e que o trabalho está a ser bem feito.Fazem a estreia em Portugal no Metal Keeper Fest, não os percam!

Attick Demons – PT
Parece mentira, mas não é. Já passaram 21 anos desde a primeira demo-tape dos Attick Demons! Os últimos 10 anos revelaram-se os mais proveitosos da banda, com inúmeros concertos por todo o país e alguns no estrangeiro, dois álbuns full-length e participação do Paul Di’Anno e de Ross The Boss na música Atlantis por exemplo.A magnífica voz do Artur Almeida serve de mote e de alerta para ir ouvir a música com atenção. Uma mistura de influencias, desde Iron Maiden, AC/DC, Manowar, Helloween… é preciso dizer mais para os irem ouvir???

Alkateya – PT
Uma das bandas míticas do panorama do heavy metal e hard rock português dos anos 80 e que recentemente celebraram 30 anos de carreira. Depois de várias demos, um álbum Full-length, e recentemente o Split “Last” com cinco novas canções e cinco covers de tributo a Alkateia gravadas por bandas mais recentes do panorama Heavy Metal português, a banda encontra-se mais forte e unida do que nunca. Novo line-up mascom a mesma garra de sempre. Quem viu o concerto de Warm Up para o Metal Keeper Fest o ano passado sabe bem o que lhes espera. Um concerto cheio de garra e uma legião de lobos do Heavy Metal para apoiá-los e que nunca desiste! Hail!

Wanderer– PT
Formados em 2010, os Wanderer são uma das bandas mais respeitadas e seguidas da zona norte do país. O seu Heavy/Speed Metal com um trabalho de guitarras magnifico contagia qualquer um, a fazer lembrar os Runing Wild dos primeiros anos. Já tocaram algumas vezes por Espanha, e também já passaram por Lisboa algumas vezes, portanto experiência de outros palcos e públicos não lhes falta. São uma das banda mais promissoras dentro do Heavy Metal nacional.Enquanto esperamos por um Full-length, contentamo-nos em vê-los ao vivo.

Festival A 19 de Maio de 2018 terá lugar a segunda edição do Metal Keeper Fest.

Depois o sucesso que foi o ano passado é hora de arregaçar as mangas e trabalhar para corrigir problemas e melhorar o festival, de forma a que ele perdure por muitos anos, dando muitas alegrias aos acérrimos metálicos que sonham em ver ao vivo as suas bandas da sua juventude e não só!

 

O Metal Keeper rema contra a maré dos últimos anos no que a festivais diz respeito. Procura ser muito específico no género de música que oferece em deterioramento do alargamento de estilos procurando o maior número de público agradando a todos.

Nesse sentido e visto que o Heavy Metal tradicional tem visto um crescimento exponencial tanto em nível de novas bandas, regressos de grandes nomes e crescimento de público mais novo, fez todo o sentido criar um festival em Portugal que personificasse este crescimento, em linha com o que já acontece nos últimos anos na Europa com uma série de festivais de renome completamente esgotados todos os anos.

 

O objectivo é simples, trazer ao nosso país bandas de renome em torno do Heavy Metal tradicional, Hard Rock, NWOBHM (New Wave Of Brithish Heavy Metal), e bandas do chamado NWOTHM (New Wave Of Traditional Heavy Metal), assim como dar oportunidade às bandas portuguesas deste estilo, para poderem partilhar palco e experiências de forma a que adquiram ainda mais conhecimento tendo em vista a sua afirmação e promoção para o resto da Europa e do Mundo.

 

Por uma questão de justiça, decidimos repartir o número de bandas de forma igual. Nesta segunda edição vamos reduzir o numero de bandas e 8 para 6 de forma a melhorar os horários e toda a logística necessária. Iremos contar com a presença de 3 bandas internacionais e 3 nacionais.

 

O Metal Keeper irá decorrer novamente no renovado espaço de espectáculos, Another Place, na Cova da Piedade em Almada no dia 19 de Maio de 2018.

 

O preço do bilhete será de 20€ comprado antecipadamente e 25€ no próprio dia.

Os locais de venda ao público assim como o começo da venda dos bilhetes serão anunciados brevemente. Numa primeira fase será disponibilizada a venda online.

 

O Heavy Metal está forte e recomenda-se! Tirem os coletes do armário e venham abanar a cabeça como verdadeiros metálicos!!!!!

https://www.facebook.com/metalkeeperfest/